Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Taxas de transação de Bitcoin: como funcionam e como calcular?

As transações na blockchain, rede do Bitcoin, são confirmadas e asseguradas pelos mineradores.
Os mineradores são pessoas e/ou empresas que ’emprestam’ o poder de seus computadores para gerar blocos de transações na rede.

As taxas de transação de Bitcoin são quantias cobradas pelos mineradores para confirmar as transações de Bitcoin. Não é possível enviar transações de Bitcoin sem a confirmação de um minerador.

Essa taxa existe pois os mineradores possuem altos custos para realizar esse serviço — equipamentos caros, energia elétrica, impostos — e essa taxa ajuda a bancar esses custos e incentivar os mineradores.

A propósito, a taxa que você paga ao realizar uma transação de Bitcoin vai integralmente para os mineradores. A Brasil Bitcoin não define os valores e não fica com nem um centavo dessa taxa.

Como a taxa de transação é definida?

A taxa ideal é definida através de um calculo que leva em consideração o congestionamento da rede e o tamanho da sua transação, baseado na oferta e demanda.

Na prática, é simples: um bloco de Bitcoin demora cerca de 10 minutos para ser gerado e possui um limite de aproximadamente 2 mil transações. Se o número de transações aguardando confirmação exceder esse limite, os mineradores decidem confirmar as transações com as maiores taxas.

Por que as taxas estão tão altas?

Em momentos de alta volatilidade no mercado o número de transações por minuto dispara e, consequentemente, a taxa para sua transação ser confirmada rapidamente também.

Isso ocorreu no final de 2017, quando o Bitcoin teve uma oscilação absurda (subiu 70% e caiu 50% na sequência) o número de transações multiplicou e a taxa média de uma transação foi para US$ 55, cerca de R$ 181 na época.

taxa de transação do bitcoin 2017
Gráfico da taxa média em dólares para uma transação de Bitcoin | Fonte: YCharts

Nesses momentos, você precisa fazer uma escolha com base na sua prioridade:

  1. Pagar uma taxa alta e ter a sua transação confirmada rapidamente;
  2. Pagar uma taxa ‘baixa’ e aguardar horas ou dias para a entrega do valor;
  3. Converter o valor por outra criptomoeda (ex.: Litecoin) e pagar uma taxa inferior;
  4. Aguardar o mercado se acalmar (o que pode levar semanas) e a taxa abaixar.

Geralmente, a melhor solução costuma ser a 3ª: converter o valor por outra moeda, enviar e depois converter de volta para Bitcoin. No entanto, lembre-se que você precisa conhecer a outra moeda, utilizar as carteiras próprias dela e pode assumir um risco maior ao fazer esse tipo de operação.

Como calcular a taxa ideal para a transação?

Caso esteja negociando na Brasil Bitcoin, você pode escolher a prioridade no momento do envio (Alta, Baixa ou Padrão) e a taxa ideal será automaticamente calculada para você.

taxa de transação recomendada

Entretanto, se estiver enviando Bitcoins por uma carteira mais complexa ou outra corretora, não é preciso se preocupar — existem calculadoras de taxas que analisam a rede e indicam a taxa mais barata e rápida no momento.

Atualmente, a mais indicada é a calculadora ‘BitcoinFees‘, a mais utilizada no momento. Nela, você consegue visualizar um gráfico e, abaixo dele, há um texto em inglês contendo a taxa ideal no momento.

Gostou da explicação? Aproveite e inscreva-se na nossa newsletter para receber semanalmente recomendações, atualizações e dicas sobre Bitcoin e investimentos!

Deixe um comentário