Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Taproot: atualização mais importante do Bitcoin é lançada

Na madrugada do último domingo (14), a atualização Taproot foi implementada com sucesso na rede do Bitcoin.

Essa alteração consiste na integração de três propostas de melhoria do bitcoin (ou BIP, em inglês): os BIPs 340, 341 e 342. Essas melhorias foram desenvolvidas com o objetivo de melhorar a segurança, privacidade e eficiência da rede.

Para que uma atualização seja implementada no código do Bitcoin, é necessário que desenvolvedores sugiram a mudança e depois disso, mineradores apoiem o projeto.

No caso da atualização Taproot, o aval dos mineradores ocorreu em junho deste ano, mas por questões de segurança levaram mais cinco meses até a implementação.

Benefícios da atualização

Como esta atualização conta, na verdade, com alterações em três aspectos da rede, são diversos os benefícios para o Bitcoin.

A principal melhoria que veio com a atualização Taproot é a diminuição no peso de transações que usam assinaturas múltiplas (multisig), com o intuito de aliviar o espaço na blockchain como um todo e diminuir as taxas de transações feitas por corretoras.

Ainda se tratando de transações multisig, uma das melhorias foi na privacidade dessas transações. Agora, as transações multisig aparecerão na blockchain da mesma forma que transações comuns, o que dificultará sua identificação.

Adoção da tecnologia

Esta atualização do Bitcoin não é obrigatória, logo, os usuários poderão continuar utilizando a tecnologia “antiga” do Bitcoin e atualizarem suas carteiras apenas quando se sentirem confortáveis.

Um exemplo similar é a atualização que trouxe o SegWit, introduzida em 2017 — apenas um ano após a atualização, a rede atingiu 50% de adoção à tecnologia. Hoje, quatro anos após o lançamento do SegWit, 84% dos endereços ativos aderiram à tecnologia.

adoção segwit bitcoin
Envios de Bitcoin usando endereços SegWit | Fonte: TransactionFee

Impacto no mercado

Segundo o CEO da Brasil Bitcoin, Marco Castellari, a atualização deixa os investidores otimistas quanto à tecnologia do Bitcoin, no entanto, o Taproot não deverá impactar diretamente o preço da moeda.

“Os investidores estão extremamente otimistas em relação ao Bitcoin por conta da recente aprovação do ETF e pela atualização Taproot, lançada no dia 14, aumentando a eficiência e a privacidade do Bitcoin, além de possibilitar a abertura de caminho para a criação de smart contracts.”

Na última semana, a cotação Bitcoin apresentou uma correção de 10,67%, encarada como saudável pelo mercado, por conta do momento de euforia em que os investidores se encontram.

De todo modo, o gráfico aponta uma lateralização no preço do Bitcoin, e as próximas semanas serão decisivas para confirmar se o mercado entrará, de fato, numa tendência de baixa.

E aí, curtiu esse artigo? Então inscreva-se na nossa lista de e-mails!
Lá, enviamos semanalmente um conteúdo de extrema qualidade, além de tutoriais, relatórios e atualizações sobre o mercado!

Deixe um comentário