Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

John McAfee é preso na Espanha por acusações criminais nos EUA

John McAfee, o magnata de 74 anos que virou entusiasta em criptomoedas foi preso na Espanha por alegações de sonegação de impostos, de acordo com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos. Sua extradição para os EUA está pendente.

Na segunda-feira, os promotores do Departamento de Justiça dos EUA revelaram uma acusação criminal contra McAfee, que enfrenta acusações de evasão fiscal e falha deliberada em apresentar declarações de impostos que poderiam colocá-los atrás das grades por mais de cinco anos, se condenado.

John McAfee

O anúncio foi feito no mesmo dia em que a Comissão de Valores Mobiliários (SEC) dos Estados Unidos processou McAfee por supostamente realizar ofertas iniciais de moedas (ICOs) sem revelar que estava sendo pago para isso.

Segundo a SEC, McAfee recebeu aproximadamente $11.5 milhões em BTC e ETH por promover sete ICOs durante 2017 e 2018. A SEC descreveu as violações de valores mobiliários em uma queixa de 55 páginas apresentada na segunda-feira no Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Sul de Nova York.

As postagens de McAfee (como tweetar previsões sobre aumentos de preços do Bitcoin) geraram uma enorme publicidade.

SEC, U.S. Securities and Exchange Commission

A SEC está buscando penalidades civis e uma ordem que proíba McAfee de atuar como funcionário público novamente no futuro. O segurança pessoal de McAfee, Jimmy Gale Watson também foi incluído na queixa.

Curtiu essa informação?
Inscreva-se em nossa newsletter e receba semanalmente atualizações, resumos e dicas de investimentos no seu e-mail!

Deixe um comentário